Sites Grátis no Comunidades.net Criar uma Loja Virtual Grátis

 

 


Adquira os nossos produtos
(Clique sobre a Imagem)

 

 

Volte Sempre!



Total de visitas: 33367
Lavagem e descascamento do Café Orgânico
Lavagem e descascamento do Café Orgânico

Esta etapa é fundamental para se obter um café com boa qualidade. É durante a lavagem que se retira sujeiras como pedras, terra, folhas, cafés de qualidade inferior, entre outras impurezas. Após a lavagem é importante separar os grãos de acordo com a umidade para que a secagem seja uniforme.

 

A lavagem deve ocorrer no mesmo dia da colheita e o café lavado não deve ser amontoado, seguindo imediatamente para o local de secagem. Na lavagem ou separação hidráulica há uma parte que flutua, conhecida pelo nome de café bóia, representada pelo grão que secou na planta, café-passa, frutos verdes, mal granados ou leitosos. A fração que submerge é composta de frutos maduros e de meia maturação, constituindo um café de maior valor agregado. Por isso, as duas parcelas resultantes da separação hidráulica (cerejas e bóias) devem ser secas e armazenadas separadamente.

 

Depois do processo de lavagem do café, passa-se para o descascamento, onde consiste a retirada da casca dos frutos cerejas por meio de um descascador mecânico e posterior fermentação e lavagem dos grãos, eliminando-se a mucilagem. Neste caso, a retirada da mucilagem, através da operação de despolpamento, reduz os riscos de desenvolvimento de microrganismos associados aos frutos, responsáveis por fermentações indesejáveis.

Café Orgânico: produzido em lavouras que não fazem o uso de agrotóxicos e adubos químicos de alta solubilidade,os quais são substituídos por produtos de matéria orgânica animal e vegetal. Além dos aspectos agronômicos e ecológicos, a produção orgânica atende aspectos sócio-econômicos.